GERAL :: Novas tecnologias para o setor de panificação no Brasil

por
novembro 6, 2020

Ponta Grossa–(DINO – 06 nov, 2020) –
O setor de panificação no Brasil está em crescimento. Mordor Intelligence, especialistas em estudos de mercado, estabeleceram uma Taxa Composta de Crescimento Anual de 7,09% entre 2018 e 2023.

Prova desse crescimento foram as vendas obtidas em 2018 graças a indústria de panificação brasileira, que se aproximaram de 30.000 milhões de dólares americanos, enquanto a maior parte do consumo nacional de farinha de trigo (55%) foi devido ao consumo de mais de 63.000 padarias, segundo Antero José Pereira, presidente da Sampapão (União Cooperativa dos Proprietários de Padarias de São Paulo) e patrocinador da FIPAN, a maior feira de panificação, confeitaria e alimentação da América Latina.

Revestimentos no setor de panificação

Com este crescimento gerou-se uma boa sinergia com um setor específico da indústria que é o de revestimentos técnicos. São empresas que se dedicam única e exclusivamente a aplicação de revestimentos antiaderentes e anticorrosivos para otimizar os processos produtivos de seus clientes, qualquer que seja o setor (automotivo, petroquímico, farmacêutico, entre outros). Porém nem todas as empresas são especializadas no setor alimentício, pois deve ser atendido alguns requisitos mínimos para essa aplicação.

Os revestimentos industriais são sistemas antiaderentes e anticorrosivos compostos por diversos produtos, como o fluoropolímero, que conferem às peças revestidas qualidades adicionais para otimizar os processos industriais. Dependendo das características de cada processo industrial, deve-se aplicar o revestimento adequado para se obter as propriedades necessárias como baixo coeficiente de atrito, alta resistência térmica ou propriedades hidrofóbicas ou oleofóbicas, entre outras.

Entre as inúmeras vantagens proporcionadas pelo revestimento industrial estão: maior vida útil das peças, redução de custos e facilidade de limpeza

Sistema Testrong®, pensado para panificação

Neste sentido, o setor de panificação no Brasil dispõe agora de um novo revestimento antiaderente e anticorrosivo, específico para poder produzir diferentes tipos de produtos doces e salgados, como pão de forma, muffins ou pretzels por exemplo. Trata-se do sistema Testrong® (em todas as suas variantes) que está amplamente aprovado na Europa, proporcionando uma alta eficiência nos processos de produção.

A única empresa autorizada a aplicar o sistema Testrong® na América do Sul é a Praimer Revestimentos Antiaderentes, situada em Ponta Grossa, ao mesmo tempo que também oferecem o serviço de fabricação e manutenção de formas e bandejas.

Estes revestimentos são feitos com base de fluoropolímeros (PTFE, PFA, MFA, FEP) e siliconados, conseguindo uma redução de custos nas linhas de produção das indústrias de panificação, eliminando a utilização de óleos ou desmoldantes.  Estes revestimentos foram aprovados para contato alimentar de acordo com regulamentações nacionais e internacionais, assim como certificados de análise de migração por laboratório independente alemão.

Website: http://www.praimer.com.br

DINO DIVULGADOR DE NOTÍCIAS

Share on Twitter Share on Facebook