Cultura, identidade e renda: a importância da mandioca no Pará

janeiro 7, 2022

No Pará, a mandioca é um dos ingredientes mais comuns e importantes. Está na tradição dos povos da floresta (é um dos cultivos mais antigos do Brasil) e, na roça ou nos centros urbanos, costuma aparecer em todas as refeições, do café da manhã ao jantar.

Nas comunidades periféricas de Belém e outras cidades paraenses, a mandioca tem participação fundamental na nutrição diária. Para muitos, é fonte de renda. Farinha d’água, tapioca, bolo podre, crepioca, beiju e tucupi são só algumas das muitas comidas obtidas dessa planta versátil, resistente, barata e de relevância econômica e histórica.

Para saber mais sobre a importância da raiz na vida paraense, o Expresso na Perifa conversou com o professor Miguel Picanço, pesquisador em Antropologia da Alimentação e um dos principais especialistas no assunto. Clique aqui para ler a reportagem completa.

Share on Twitter Share on Facebook