Aumento da judicialização na saúde preocupa profissionais

maio 12, 2022

Dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) registram aumento de 130% na demanda sobre processo de saúde, dentre 2008-2017, comparada a um crescimento de 50% da demanda geral.

De modo geral, é consenso que a judicialização de um profissional ou clínica pode manchar a imagem frente à sociedade e aos pacientes. Em alguns casos, o profissional perde a carreira por um erro que poderia ter sido evitado. Por conta disso, correção nos procedimentos e na forma como lidar com os questionamentos judiciais pode fazer a diferença na proteção dos bons profissionais.

Existem práticas que aumentam a segurança dos profissionais e dos pacientes. Entre elas, estão: manter prontuários organizados e completos e ter boa relação com pacientes. Mas a pergunta está na mesa: como saber quais atividades estão falhas dentro da clínica? Para que tudo ocorra com perfeição, a clínica necessita manter uma organização correta, seguindo um método eficiente para evitar determinadas complicações.

O trabalho desenvolvido pela Certiclin é exatamente sobre isso. Trata-se de uma healthtech, a primeira certificadora do brasil focada em clínicas. A jornada de certificação Certiclin Safe realiza uma visita (virtual ou presencial) e faz uma verificação, dentro da metodologia própria, avaliando 40 itens, para verificar que a clínica está seguindo as normas.

Quer saber mais detalhes? Clique aqui para ler a reportagem completa produzida pelo Estadão Blue Studio e publicada no site do Estadão.

Share on Twitter Share on Facebook