Aposentada volta ao mercado para empreender com linha de lingerie

Joselaide Fernandes investiu no segmento de tamanhos plus size e projeta crescimento para os próximos anos

Com 30 anos de carreira nas áreas de finanças e de zootecnia, tudo o que você quer é tirar férias para sempre, certo? No caso da Joselaide Fernandes, de 58 anos, não é bem assim. Depois de se aposentar em 2015 e tirar um ano sabático, ela resolveu voltar ao mercado e abriu a Intimaxx Moda Íntima Plus Size. Como ela se tornou empreendedora depois dos 50 anos e aposentada? “Mantendo a disposição de sempre”, conta.

Em meados de 2016, Joselaide buscava um nicho de negócio, quando descobriu que a demanda por lingeries de tamanho plus size era grande. “Existem muitos modelos básicos, do dia a dia, mas peças mais sofisticadas são difíceis de encontrar nesse tamanho”, conta.

Antes mesmo de contatar fornecedores, fez um teste para verificar a receptividade das clientes em potencial. A empreendedora criou a marca e a colocou nas redes sociais, logo percebeu a possibilidade de retorno financeiro. “O crescimento dos meus seguidores foi rápido e tomei a decisão de investir na Intimaxx”, lembra.

“Com o QuickBooks, a parte de controle fica muito mais fácil. O visual é muito tranquilo para você entender o que está acontecendo na sua empresa”.
Joselaide Fernandes

No início, ela teve desafios. Para Joselaide, o mais difícil foi encontrar fornecedores de peças compatíveis com as demandas dos clientes. “Nos tamanhos maiores, você só encontra peças básicas. Procuro lingeries sofisticadas, com acabamento excelente. É uma dificuldade que tenho até hoje, depois de dois anos de negócio”, diz.

Outro aprendizado foi a gestão financeira. Joselaide investiu em cursos de empreendedorismo para mulheres e usou a experiência acumulada nos trabalhos anteriores para alcançar resultados. “Para controlar o dinheiro, usava planilhas comuns e sentia necessidade de dar um passo a mais”.

Assim, migrou para o QuickBooks, sistema de gestão financeira que pode ser usado no computador ou no aplicativo do celular, que descobriu por meio de anúncios nas redes sociais. Além de controlar o fluxo de caixa, Joselaide faz o cadastro de todos os seus fornecedores. O sistema também oferece a possibilidade de comparar as informações entre eles para saber com qual negociar melhor. “Com o QuickBooks, a parte de controle fica muito mais fácil. O visual é muito tranquilo para você entender o que está acontecendo na sua empresa. No meu dia a dia, ele é fundamental”, afirma.

“Ainda sou pequena, mas tenho muito campo para crescer. Não tenho dúvidas do futuro, o crescimento é um passo certo”.
Joselaide Fernandes

Joselaide usa o sistema diariamente para fazer lançamentos e conferir a saúde financeira do negócio. Os relatórios gerenciais também são acompanhados com regularidade: a partir das projeções feitas pelo sistema, Joselaide consegue planejar a expansão do negócio.

Para o próximo ano, ela quer impulsionar o site da Intimaxx, que montou há pouco mais de seis meses. Também quer melhorar as ações de marketing nas redes sociais e pensar em parcerias com blogueiras, para chegar a um crescimento de 20% em vendas.  “O QuickBooks me ajuda a ver uma projeção do negócio daqui a dois, três ou mesmo cinco anos. Ainda sou pequena, mas tenho muito campo para crescer. Não tenho dúvidas do futuro, o crescimento é um passo certo”, projeta.

“Busco fornecedores de lingeries sofisticadas. É uma dificuldade que tenho até hoje, depois de dois anos de negócio.” Joselaide Fernandes